Importância econômica e ecológica da Caatinga

Importância econômica e ecológica da caatinga. Típica do semiárido nordestino, do extremo norte de Minas Gerais, do sul do Maranhão e do Piauí.

A Caatinga auxilia na redução de CO2 (gás carbônico) da atmosfera terrestre, além de garantir a boa conservação da água e do solo

Importância econômica e ecológica da caatinga

Na língua tupi-guarani, os índios chamam o Bioma Caatinga de "floresta branca" - devido ao aspecto peculiar de sua vegetação. Típica do semiárido nordestino, do extremo norte de Minas Gerais, do sul do Maranhão e do Piauí. A Caatinga possui importância econômica e ecológica para todo país. O fato é que esse bioma, encontrado apenas no Brasil, possui farta riqueza natural, além de auxiliar na redução de CO2 (gás carbônico) da atmosfera terrestre e garantir a boa conservação da água e do solo.

"Em decorrência do efeito estufa, da escassez de água e das mudanças climáticas, tornou-se indispensável o desenvolvimento de projetos de proteção aos biomas brasileiros e de leis reguladoras das Áreas de Preservação Permanente e Reserva Legal em propriedades rurais", afirma Sebastião Venâncio Martins, professor do Curso a Distância CPT Restauração Florestal em Áreas de Preservação Permanente e Reserva Legal, disponível nos formatos em Livro+DVD e Online.

Como a principal atividade na Caatinga é a Agropecuária, a Embrapa - Empresa Brasileira de Pesquisa, Agropecuária fomentou o Projeto Biomas, para proteger tanto a Caatinga como os demais biomas que constituem o território nacional - Pampa, Pantanal, Amazônia, Cerrado e Mata Atlântica.

Segundo Cláudia Rabello, coordenadora das pesquisas, a meta principal do Projeto Biomas é a implantação de espécies de árvores na propriedade rural, para assegurar a diversificação da flora, além de garantir a sua preservação, conforme as exigências da legislação ambiental. Para isso, os produtores rurais devem estar empenhados a praticar o desenvolvimento rural com sustentabilidade e respeito ao meio ambiente.

Atualmente, o Projeto Bioma Caatinga tem 86 pesquisadores trabalhando no desenvolvimento e na incorporação de novos projetos de pesquisa. Até o momento, mais de 5 mil árvores de 37 espécies foram plantadas, mas as estimativas são para cerca de 20 mil árvores - graças a 17 projetos de pesquisa em andamento no país.

No Brasil, todos os anos, no dia 28 de abril, comemora-se o Dia Nacional da Caatinga. Além de homenagear o pioneiro na área de estudos ambientais no Brasil - João Vasconcelos Sobrinho, a data foi instituída para conscientizar a população a respeito da importância da Caatinga - ecossistema tipicamente brasileiro.

Fonte: Biomassa e Energia.

Andréa Oliveira 05-07-2016 Meio Ambiente

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.