7 etapas do processamento de tomate seco

Nos últimos anos, o tomate seco tem experimentado uma grande expansão no mercado consumidor

7 etapas do processamento de tomate seco

O tomate seco é uma boa alternativa de renda e uma ótima forma de se consumir o excedente da produção. Esse delicioso alimento tem experimentado uma grande expansão no mercado consumidor. Muitos restaurantes, padarias, lojas de conveniência e supermercados já incluem em suas listas de produtos os tomates secos”, afirma Paulo César Stringheta, Mestre em Ciência e Tecnologia de Alimentos e professor do Curso CPT Produção de Tomate Seco em Conserva e Shiitake Desidratado.

1. Lavagem


Para a sanitização dos tomates, primeiramente, coloque-os submersos, em tanque com 100 ppm de cloro, por 20 minutos. Em seguida, leve-os para novo tratamento em um segundo banho de imersão, em tanque com 50 ppm de cloro, por 10 minutos. Por fim, os tomates passam por um terceiro banho com água sem cloro.

2. Seleção


Após a lavagem, os tomates seguem, em uma esteira, para passarem pela etapa de seleção. No processo, são removidos os tomates que não amadureceram uniformemente e apresentam partes verdes ou amarelas. Esses tomates são encaminhados para outro setor, para passarem por processamento em outro lote.

3. Corte


Os tomates maduros são cortados, longitudinalmente ao meio, com facas de aço inox para não oxidarem. São removidas as sementes e as partes com pequenas injúrias na pele para não depreciarem o produto. Normalmente, passam por essa etapa apenas tomates maduros em bom padrão qualitativo.

4. Salmoura


A salmoura a 5% é feita com 50 gramas de sal para cada litro de água. É importante que os pequenos cristais de sal sejam dissolvidos completamente para que a solução surta os efeitos esperados. Nela, os tomates cortados são submersos por 30 minutos.

5. Desidratação


Nessa etapa, os tomates submetidos a salmoura são distribuídos em bandejas giratórias sob temperatura de 65°C. Elas são giradas a 180°, de hora em hora, para uma secagem uniforme, que pode levar até 14 horas. Depois, o sistema de aquecimento é desligado e apenas o ventilador permanece ligado para esfriar os tomates.

6. Tempero


Assim que alcançam a temperatura ambiente, os tomates são temperados com 80% de óleo de girassol, 20% de azeite de oliva e orégano a gosto. O procedimento é feito em temperatura de 90°C até agregar os temperos aos tomates.

7. Envasamento


Após a esterilização dos vidros, por 30 minutos, os tomates secos são envasados com o tempero em temperatura de 90°C. Assim que alcançam a temperatura ambiente, os vidros passam por lavagem antes de serem lacrados e rotulados.

Conheça os Cursos CPT da Área Agroindústria:

Produção de Tomate Seco em Conserva e Shiitake Desidratado

Produção e Processamento de Pimenta

Como Montar e Operar uma Pequena Fábrica de Vegetais Desidratados

Fonte: Cursos CPT - cpt.com.br

Por Andréa Oliveira.

Andréa Oliveira 28-07-2020 Agroindústrias

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.