Centro de Produções Técnicas


A importância de se proteger as nascentes

É de suma importância se proteger as nascentes para que não se agrave ainda mais a crise hídrica no país

A importância de se proteger as nascentes Por entender que a crise hídrica brasileira é algo de extrema urgência, o WWF-Brasil abriu uma petição online para a criação do PNNM – Plano Nacional de Nascentes e Mananciais. Ainda que o governo federal tenha instituído o Plano Nacional de Segurança Hídrica para a ampliação da oferta de água à população, o problema da escassez desse importante recurso natural está longe de ser resolvido. Mesmo que sejam feitas obras de infraestrutura no concreto de nada adianta se não estiver incluída a recuperação das nascentes.

A água é um recurso de alto valor econômico

“Atualmente, a água é considerada um recurso natural de altíssimo valor econômico, estratégico e social, tendo em vista que todos os setores de atividade humana necessitam desse bem tão precioso para desempenhar suas funções”, afirma Paulo Sant’Anna e Castro, professor do Curso a Distância CPT Recuperação e Conservação de Nascentes, em Livro+DVD e Online, da Área Meio Ambiente.

O mapeamento das nascentes é vital para a sua preservação

Na verdade, com a crise hídrica, outras crises poderão vir à tona – como a energética e a de alimentos. Daí ser vital uma atitude efetiva por parte do governo federal junto a empresas privadas e sociedade. Com a execução do Plano Nacional de Nascentes e Mananciais, muitas nascentes serão preservadas e recuperadas. Nele está previsto o mapeamento das nascentes e dos sistemas de cabeceiras do país para uma melhor avaliação das suas reais condições de degradação.

A preservação das nascentes tem caráter de urgência

Entretanto, para que o PNNM gere bons resultados, é preciso o comprometimento de todos, desde a população até os líderes de empresas privadas, estados e municípios. As ações de recuperação e preservação das nascentes deverão ser prioritárias e urgentes. É o que têm feito alguns cidadãos da grande São Paulo. Lá iniciativas voluntárias têm permitido o mapeamento de nascentes e córregos ocultos entre o cinza do concreto. Até o momento, já foram descobertos mais de 300 córregos invisíveis pelo movimento “Existe Água em SP” e afins.

A infraestrutura natural da bacia hidrográfica deve ser garantida

Não há dúvida de que obras de infraestrutura garantem a preservação das nascentes, mas não podemos nos esquecer da infraestrutura natural da bacia hidrográfica. A vegetação natural é de fundamental importância para a manutenção das nascentes. Pesquisas comprovam que os custos de tratamento de água reduzem de R$ 200 a 300 para apenas R$ 1 a 3 por 1.000m³ de água quando se compara uma bacia hidrográfica totalmente desmatada com outra parcialmente preservada.

A preservação das nascentes garantirá água de qualidade e em quantidade

E o plano proposto pelo WWF-Brasil vem para garantir água de qualidade e em quantidade para todos os brasileiros, embasado não apenas na infraestrutura de obras, como também na infraestrutura natural das nascentes. É importante destacar que a falta de água se tornou realidade da maior parte das regiões do país, principalmente as com maiores índices populacionais. Se algo não for feito com urgência estaremos fadados a uma crise hídrica de dimensões descomunais.

Fonte: Época/Blog do Planeta.

Confira o artigo “Dicas de preservação e recuperação de nascentes e mananciais” e aprimore ainda mais o seu conhecimento.

Salvar


Deixe Um Comentário

Marque a caixa abaixo para validar seu comentário